Do meu lixo orgânico, cuido eu!

Conheça o mais novo projeto do Movimento Lixo Zero e associe-se para participar !woman in the forest holding a go green sign

A sociedade está aprendendo a reciclar. Aos poucos, estamos nos habituando a separar do lixo comum as embalagens, os plásticos, o vidro, o alumínio, entre outros. Mas o reaproveitamento do chamado lixo úmido ou orgânico (restos de comida, cascas de alimentos) também é um desafio. Por isso, o Movimento Lixo Zero, está trazendo para o Rio de Janeiro um projeto inovador desenvolvido pela EMBRAPA: “Do meu lixo orgânico, cuido eu!”

O objetivo da iniciativa é orientar cada cidadão em como tratar os resíduos sólidos orgânicos no local onde ele foi gerado, como, por exemplo, dentro de casa”Do meu lixo orgânico, cuido eu!”. Para participar, basta associar-se ao Movimento Lixo Zero.

A técnica é simples e consiste na geração de um composto que serve para adubar plantas, podendo ser utilizado em jardins de casas e prédios, árvores de rua e até mesmo na criação de uma horta comunitária.

A equipe do Movimento Lixo Zero oferece todo o suporte para sua instalação, através de visitas técnicas, contato por telefone e e-mail.

Nosso objetivo é ver você transformando lixo em composto orgânico, evitando que esses resíduos cheguem aos aterros sanitários. A meta é reaproveitar, somente nos primeiros seis meses, cerca de 250 toneladas de resíduos.

Como participar do projeto?

Se você quer iniciar o tratamento de seus resíduos entre em contato conosco. Queremos ajuda-lo nesse novo desafio. Clique aqui, entre em contato conosco!

Nosso diferencial é estar ao seu lado em todo o processo de tratamento dos seus resíduos orgânicos.

1. O sistema de tratamento do Movimento Lixo Zero opera com uma composteira doméstica desenvolvida pelo EMBRAPA, confeccionada a partir de materiais reutilizáveis, como embalagens que, normalmente, são descartadas.composteira_foto

2. Para ajudar a equipe do Movimento Lixo Zero irá a sua casa, dentro do Municipio do Rio de Janeiro instalar a composteira e treinar sua família e funcionários. Se você está fora dessa área, faremos o treinamento via SKYPE.

3. A solução acompanha uma composteira com capacidade de até 01 litro/dia de resíduos orgânico, entretanto caso seja necessário podemos aumentar a capacidade de resíduos conforme a necessidade de cada associado.

4. Depois de instalado a composteira e treinado sua família, iremos realizar um acompanhamento cuidadoso, fornecendo sempre que necessário serragem, minhoca e composto para o melhor funcionamento de sua composteira.

5. Daremos todo o suporte necessário, seja realizando visitas técnicas, suporte telefônico ou por e-mail. Nosso objetivo é ver você transformando lixo em composto orgânico, evitando que esses resíduos cheguem aos aterros sanitários.

6. Caso o associado tenha dificuldade em destinar seu composto orgânico, o Movimento Lixo Zero poderá realizar a coleta dentro do Município do Rio de Janeiro, destinando para projetos de reflorestamento.

Participe, faça a diferença!

  • Diminuindo o lixo que sai de sua casa pela metade.gramacho
  • Diminuindo o mau cheiro dos lixos domésticos.
  • Aumentando a vida dos aterros sanitários.
  • Oferecendo um Instrumento pedagógico para seus filhos.
  • Produzindo adubo agroecológico de qualidade.
  • Reconectando homem e natureza.
  • Evita emissão de gases nocivos e indesejáveis.rioterra1600x540
  • Reutilizando materiais plásticos que iam pro lixo.
  • Produzindo liquido biofertilizante.
  • Metade do seu lixo não será mais destinado para aterros sanitários, gerando economia para os municípios e preservando nosso planeta.
  • Reciclando matéria orgânico e gerando nutrientes que irão beneficiar suas plantas, jardim e árvores urbanas.

2 Responses to Do meu lixo orgânico, cuido eu!

  1. Fernanda on 7 de outubro de 2015 at 19:03

    Quero um composteira de para 5 pessoas.

  2. Marcus Vinicius Fonseca on 25 de outubro de 2015 at 09:26

    Prezados
    Gostaria de adquirir uma composteira. Como proceder?
    Obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *